Views
1 week ago

edição de 12 de agosto de 2019

  • Text
  • Ainda
  • Grupo
  • Jornal
  • Propmark
  • Agosto
  • Mercado
  • Brasil
  • Marcas
  • Marca
  • Marketing

giro no mercaDo by

giro no mercaDo by propmark Fotos: Alê Oliveira Os copresidentes Guilherme Jahara e Ligia Vulcano em frente ao prédio reformado da SunsetDDB, que passou a abrigar, em maio, a equipe de 250 pessoas da agência SunsetDDB apresenta nova casa e posicionamento após fusão Com oito meses de operação e legado em criatividade, agência celebra parceria com clientes antigos e recém-conquistados MARINA OLIVEIRA Há pouco mais de dois meses a SunsetDDB cravou definitivamente os pés na Vila Olímpia, em São Paulo, concluindo um dos processos de fusão mais comentados do mercado publicitário brasileiro. Da união com a DM9 foram mantidos parte dos clientes, funcionários e o prédio de seis andares, que recebeu uma ampla reforma para abrigar o time de cerca de 250 pessoas. Divididos em hubs de contas, cada piso reúne equipes multidisciplinares dispostas de forma a facilitar a comunicação entre os profissionais, que são responsáveis por contas como Ambev, FCA, Itaú, Johnson & Johnson, OLX, Reckitt Benckiser, Samsung, Seara e Vigor. No mezanino é onde ficam Guilherme Jahara (CCO) e Ligia Vulcano, copresidentes da agência, e Guto Cappio, o CEO. Nessa nova fase, a palavra de ordem é aliar soluções criativas à informação estratégica. “Uma agência que entregue inteligência digital, de dados e que dê todo o suporte para a criatividade”, defende Jahara. Em sua visão, o mercado tem percebido essa entrega da agência, que, em apenas oito meses, conquistou contas importantes como as de CE da Samsung, Hoegaarden e a Agência da ONU para Refugiados - Acnur. cultura Organizar as operações e alinhar as culturas ainda é um desafio. “Você não chega e fala: a partir de hoje a cultura é essa’, bota um decreto na parede e funciona. Cultura vem por modo de fazer, de integrar pessoas, de contratação, de como se sentem parte dos processos, da operação da agência”, diz. “Os clientes que vieram da DM9 ganharam em um tipo de know-how e capabilities que a agência não tinha. Os que eram da Sunset, por outro lado, ganharam outros tipos de saberes e potência criativa, que era o DNA da DM9. No fim das contas, apesar das dificuldades e diferenças de culturas, é a união de duas po- “é a união de duas potências. cada uma no seu universo” 32 12 de agosto de 2019 - jornal propmark

tências”, aponta. “A escolha de vir para cá (prédio que já era da Sunset) trouxe um ar diferente. Aqui a gente conseguiu reformar tudo [...] e isso aqui para mim representa o que a agência é hoje: um espaço comum de integração de duas culturas, de duas agências”. Assim, a SunsetDDB vem trabalhando sob o mote Logicamente, ilógica, onde reforça seu posicionamento em prol da criatividade calcada em estratégia e dados. “O lógico é o que a gente precisa quebrar. Nem tudo o que é lógico é o que realmente conecta as pessoas. O ilógico vem do conceito de que é a partir de emoções que a gente se conecta com as pessoas, não a partir dos dados. Eles são suporte de entendimento de onde estamos, com quem estamos falando e vamos falar. O logicamente ilógico tem esse equilíbrio”, diz. Para Jahara, o processo da fusão pode ser explicado por uma metáfora. “Imagine dois rios, onde um era muito largo, com um tipo de vida aquática. O outro mais sinuoso, com outro tipo de água e vida. Eles se encontram e não é nem um e nem outro, é a união dos dois”, aponta. Para dar voz a este posicionamento, foi lançado recentemente o Orgulho de ser Sunset-DDB, um robusto projeto de comunicação interna, que pretende fortalecer o sentimento de pertencer dos funcionários, além de reforçar questões culturais, que estão tomando forma nessa nova fase. Um dos representantes desse processo é Taciano da Silva, o Agência integrada: um dos andares da SunsetDDB; onde as equipes multidisciplinares trabalham em hubs de contas Tasso, que abastece e arruma a copa diariamente com frutas e café desde os tempos da DM9. “Eu dou suporte para o pessoal trabalhar”, afirma, orgulhoso. “Esse cara é o mais conhecido da agência”, brinca Jahara. Além da cultura e do pertencimento, a agência vem reforçando a operação com a recém- -chegada de Frederico Bádue como CFO. Ele vai responder para Fernanda Marin, VP de Negócios. Com a SunsetDDB, o jornal estreia a série Giro no mercado by PROPMARK, que trará semanalmente a visita da nossa reportagem a uma agência. Não perca a próxima! raio X agência: SunsetDDB ano de fundação: 2019 ceo: Guto Cappio copresidentes: Guilherme Jahara (CCO) e Ligia Vulcano VP de negócios: Fernanda Marin cFo: Frederico Bádue Principais clientes: Ambev, FCA, Itaú, Johnson & Johnson, OLX, Reckitt Benckiser, Samsung, Seara e Vigor número de funcionários: 250 Grupos de contas: proximidade física facilita a interlocução entre as diferentes áreas Grupos multidisciplinares ajudam a pensar nas soluções para os clientes Espaço de descanso no atrium do recém-reformado prédio da agência na Vila Olímpia jornal propmark - 12 de agosto de 2019 33

edições anteriores

Receba nossa newsletter

CADASTRAR

© Copyright 2000-2017 propmark o jornal do mercado da comunicação. Todos os direitos reservados.