Views
2 months ago

edição de 13 de maio de 2019

  • Text
  • Marcas
  • Cannes
  • Maio
  • Marketing
  • Ainda
  • Anos
  • Mercado
  • Jornal
  • Brasil
  • Propmark

dIGITAl Google anuncia

dIGITAl Google anuncia novos recursos de machine learning e AR no I/O 2019 Principal evento para desenvolvedores atualizou serviços do Search e Lens; privacidade, segurança e controle de dados ganham destaque cidade de Mountain View, A na Califórnia, recebeu na semana passada a conferência I/O19, evento anual do Google para desenvolvedores. A programação foi marcada pelo anúncio dos principais lançamentos da empresa. O uso de realidade aumentada e o aperfeiçoamento de recursos em tempo real, mesmo sem conexão com a internet, foram alguns dos destaques apresentados por Sundar Pichai, CEO da companhia. Segundo o executivo, a missão do Google de tornar a informação universalmente acessível não mudou ao longo dos 21 anos, mas sua abordagem evoluiu. Não à toa, a empresa não é mais vista apenas como uma companhia que ajuda o usuário Twitter exalta comunidades e lança posicionamento de marketing Rede social aposta no conceito #ComecePelasPessoas; objetivo é destacar poder da audiência como diferencial para as marcas Twitter quer exaltar o poder das comunidades inse- O ridas na rede social como diferencial para as marcas. Com essa lógica, a rede social apresentou ao mercado publicitário na última semana seu posicionamento global de marketing B2B: #ComecePelasPessoas. “Se uma marca quer se conectar ao que está em pauta na sociedade hoje, o Twitter é por onde ela deve começar a sua campanha”, afirma Fiamma Zarife, diretora-geral do Twitter Brasil. Em comunicado, a rede explica que a construção do novo posicionamento teve como ponto de partida características das pessoas que estão no Twit- Sundar Pichai, CEO do Google, anunciou os principais lançamentos no evento Divulgação Divulgação Fiamma Zarife fala que Twitter é ideal para as marcas se conectarem com a sociedade a encontrar respostas. “Hoje, os produtos do Google também te ajudam a realizar atividades, seja para escrever a palavra mais adequada com o recurso Smart Compose no Gmail ou o caminho mais rápido para chegar em casa com o Maps.” Durante o evento, a empresa anunciou uma série de ferramentas de privacidade e segurança para que os usuários possam fazer o controle de seus dados. O uso de machine learning foi outro destaque. O Google Lens, por exemplo, ganhou um update importante, funcionando como assistente para pessoas com problemas visuais ou não letradas. Nos próximos dias 13 e 14 de maio, o Google se prepara para anunciar soluções para o mercado publicitário. ter, como mostrou um estudo global realizado com a Kantar Media em 23 mercados, incluindo o Brasil. O estudo mostrou que os usuários do Twitter influenciam amigos e familiares em suas decisões de compra, além de serem mais propensos a interagir com marcas em comparação com quando estão navegando em outras plataformas. A plataforma mapeou algumas das comunidades mais ativas em conversas no Brasil. A rede enumerou os quatro principais grupos de comunidades: fãs de futebol; apaixonados por música; ligados em reality shows e mulheres empoderadas. 50 13 de maio de 2019 - jornal propmark

DIGITAL Instamission amplia conexão das marcas com o público do Instagram Projeto convida seguidores a se tornarem protagonistas da comunicação nas redes sociais e apresenta novo formato de jornadas de conteúdo MARIANA BARBOSA Em outubro de 2010, o Instagram chegou ao Brasil e revolucionou a forma com a qual as pessoas se relacionavam com redes sociais. Se anteriormente o texto era a linguagem mais usada na internet, a partir disso as imagens passaram a definir uma nova forma de comunicação, atraindo usuários imediatamente. Naquela época, sem nenhum tipo de formato de anúncios na ferramenta, as marcas procuravam uma forma de conversar com o público da nova rede. Nesse contexto, mas sem a pretensão inicial de contar com ações patrocinadas, nascia o Instamission, criado por Luiza Voll e Dani Arrais. Com o objetivo de unir visões múltiplas sobre um mesmo tema, o projeto surgiu com uma mecânica: pedir para que as pessoas postem fotos sobre um determinado tópico, selecionado semanalmente. Formadas em publicidade e jornalismo, respectivamente, as sócias se conheceram pela internet e criaram a Contente, que, além de uma série de projetos digitais, promove ainda eventos e curadoria de conteúdo para empresas e agências. “Nossa missão é criar a internet que a gente quer, e isso se reflete no Instamission. Propomos o uso consciente do nosso tempo e colocamos as pessoas como protagonistas da comunicação. Temos um compromisso muito forte em cultivar nossa comunidade e entregar a ela um conteúdo humano”, explica Dani. “Somos o primeiro projeto desse tipo no Instagram. No começo, não havia um modelo de negócio. Um dia uma conhecida nos ligou querendo patrocinar uma missão. Tivemos de sondar com o mercado para saber o quanto cobrar”, relembra. A primeira marca a patrocinar o conteúdo do Instamis- “O InstamIssIOn é um espaçO de mídIa dIferente pOrque engaja O públIcO nas cOnversas prOpOstas” sion foi a LG. “De lá para cá, já atuamos com mais de 200 marcas brasileiras e globais, como Fiat, Ford, Vivo e Hering, por exemplo. Com algumas, já produzimos três ou quatro missões diferentes”, conta. Além do investimento no conteúdo, as empresas que patrocinam as missões também sempre presenteiam os vencedores de cada missão com um prêmio relacionado ao tema. “Já demos desde biquíni a computador, passando por viagens para Nova York e China.” Atualmente com mais de 66 mil seguidores, a dupla reforça a importância do engajamento e do público nichado que faz parte de sua rede. “Nesse mundo em que todo mundo tem 1 ou 2 milhões de seguidores, as pessoas podem se perguntar qual o motivo de investir na gente. Mas a nossa conversão é muito alta, recebemos uma média de 2 mil fotos a cada missão, o que é muita coisa. É importante falarmos sobre números porque hoje em dia é muito fácil comprar seguidor, comprar like. O Instamission é um espaço de mídia diferente porque engaja o público nas conversas propostas, sejam elas por marcas ou não”, acredita Dani. No fim de 2018, prestes a completar oito anos, o projeto sofreu mudanças e se transformou em uma plataforma de conexão. Agora, em vez de uma só missão por tema, o perfil promove uma jornada com uma série de missões para cada assunto. Dani comenta ainda que existem planos para migrar o projeto para uma plataforma própria, além do Instagram. “A gente vive esse dilema de fazer o nosso trabalho em uma ‘casa alugada’. É uma conversa que vários criadores de conteúdo já têm. Sabemos que precisamos nos fortalecer em outros espaços, mesmo com o desafio de que o alcance não deve ser o mesmo. No entanto, acredito que a gente tem o repertório, a inteligência e o tempo de trabalho para migrar quando for necessário”, assegura. Luiza Voll e Dani Arrais, sócias da Contente, criaram o Instamission com o objetivo de unir “visões múltiplas sobre um mesmo tema” Divulgação jornal propmark - 13 de maio de 2019 51

edições anteriores

Receba nossa newsletter

CADASTRAR

© Copyright 2000-2017 propmark o jornal do mercado da comunicação. Todos os direitos reservados.